Páginas

domingo, 20 de junho de 2010

Deu bolo: cupcake de cenoura e laranja

Num dos dias intermináveis da última semana, fiz uma coisa que faço quando não estou lá nos meus melhores dias: assisti Amélie Poulain pela milésima vez. Aqui em casa é motivo de piada, mas eu não ligo.
Lá pela metade do filme, me dei conta que tinha esquecido de uma coisa importante: a manhã seguinte seria dia de lanche coletivo na sala do caçula e era a minha vez de alimentar 25 bocas famintas.
Não deu tempo nem de me lamentar. Eram quase 23h e corri pra cozinha, coloquei os ingredientes para o pão na máquina, lavei frutas variadas e, me sentindo muito ousada, comecei a fazer esses cupcakes pela primeira vez, contrariando minha própria regra de não testar novas receitas em situações desse tipo.
E o rasgo de coragem valeu a pena: em duas fornadas e meia, obtive bolinhos muito perfumados, fofinhos e de massa levemente úmida. Guardei dois para a foto, mas pretendo repetir a receita em breve.

Cupcakes de cenoura e laranja
rendimento: cerca de 12 bolinhos
xícara medidora de 240ml
Ingredientes:
08 colheres (sopa) de manteiga molinha, quase derretida
1/2 xícara de açúcar mascavo, apertadinho na xícara
suco e casca bem raladinha de 1 laranja
2 ovos grandes batidos
175 grs. de cenoura ralada (para duas receitas, usei 3 cenouras)
1/4 de xícara de avelã picada (usei lascas de amêndoa)
1 xícara de farinha de trigo peneirada
1 1/2 colher (chá) de fermento em pó

Prepare 12 forminhas de papel na assadeira. Pré-aqueça o forno a 180 graus.
Bata a manteiga, açúcar e casca de laranja até ficar clarinho e fofo. Junte os ovos aos poucos, batendo após cada adição. Junte a cenoura ralada, as amêndoas e o suco de laranja, raspando os cantos da tigela com uma espátula.
Peneire a farinha e o fermento, incorporando com cuidado à massa. Coloque nas forminhas e leve ao forno por mais ou menos 25 minutos, ou até que estejam corados e firmes ao toque (o teste do palito também funciona bem).
A receita sugere uma cobertura de mascarpone mas, particularmente, acho desnecessário. Os bolinhos já são úmidos e gostosos, mesmo sem cobertura.
Bom domingo!

21 comentários:

Marina Mott disse...

Ficou lindo e, tenho certeza, delicioso!! Bjs!

Natália Rosin disse...

Amelie Poulain é um ótimo filme para momentos desse tipo, com certeza.
E me deu muita água na boca ver esse cupcake, que molhadinho!!
Ótimo domingo pra você também!
Beijos!

Karina disse...

Seu blog é tudo de bom!

Abraços

Chirley Maria. disse...

parece muito bom! dp vou testar!

Silvia disse...

Adorei a receita, já copiei e colocarei em prática em breve, gostei muito daforma como vc embalou, com guardanapo de papel e fitinha de cetim, simples e lindo.
Bjs e bom jogo!!

Cecilia e Helena disse...

Oi, Ana
Além da gostosura, a apresentação, belíssima... o embrulho com o lindo guardanapo e o lacinho de cetim são a cereja do bolo. Parabéns pelo capricho! Admiro muito isso.
Beijo
Helena

Minha vida e minhas artes! disse...

hummm parecem deliciosos!!! Beijinhos

Luciana Betenson disse...

Adorei a receita e AMEI a embalagem, muito original. Vou copiar :-)

Decor e salteado disse...

Hummm.... senti o cheirinho deles daqui! Receita arquivada para entrar em ação na casinha nova!

Bjs

Lu
http://decoresalteado10.blogspot.com/

Ana Matusita disse...

Lu, cozinha nova também? Ô, coisa boa!

Lu B.,euq euro bolo de pinhão!!!

Helena e Silvia, como os bolinhos eram pra escola, só deixei dois aqui em casa, mas os filhos grandes não se interessaram, então comi um e presenteei uma amiga com o outro! Por isso o embrulho bonitinho!

Oi Karina, obrigada!

Oi Natz! Amélie alegra qualquer dia cinza, né?

Marina, um elogio ao meu singelo bolinho vindo de vc é muito bom!!! Obrigada!!!

Beijos e boa semana,
Ana

Ma Stump disse...

Mas que pequenos mais sortudos! =)
Um beijão, Ana! E ótima semana! Se eu morasse mais pertinho, iria adorar assistir Amélie com você! ;)

Taia Assunção disse...

As 25 boquinhas famintas devem ter amado e seu caçula deve ter ficado muito do orgulhoso da mamãe coruja...rsrsrs. Minha mãe apela se for chamada de coruja, especialmente se for meu pai quem disser...rsrsrs. Beijocas e bom início de semana!

Matutante disse...

Só de ouvir a trilha de Amélie meu dia fica mais feliz. Por isso entendo perfeitamente isso de assistir a este fantástico filme para espantar os humores não tão bons que por vezes nos cercam.
E, pelo jeito, funcionou: que receitinha boa esta, heim?

Boa semana!
Eva

Fuxicando Sobre Artes disse...

oioi, sigo sempre seu blog e estou convidando para visitar o meu e conhecer meus produtos!!
obrigada e espero vc por lá!!
beijinhos.

Laély disse...

Ana, ando com a mão tão ruim, que minhas 2 últimas tentativas de inventar na cozinha com um bolo de mamão, deu tudo errado: o bolo, fico mais para pudim.

maristela disse...

Amiga, sou sua fâ, mas só pra saber: se você começou a fazer os cup às 23 h., que horas você terminou?he...he...he...

maristela disse...

Amiga, sigo sempre seu blog, acho "da hora" como dizem meus filhos. Só pra saber: se você começou a fazer os cuks às 23, que horas você terminou?

Srta.Formiga disse...

hummmmm
:P

Ana Matusita disse...

Oi Maristela, eu fui dormir às 2h e levantei umas 6h... coisa de mãe doida, né?

Oi La, o momento é pra vc ganhar bolo (no bom sentido!) e não pra fazer!

Oi moça do Fuxicando, oi Srta. Formiga!

Oi Ma e Taia, nem sei se eles gostaram, acreditam?
bjs

Claudia disse...

Hummm... este embrulhinho é genial! adorei! (e fiquei com vontade de comer o conteúdo... rsrsrsrsr)
adorei seu blog!
um abraço!

Katia Bonfadini disse...

Caramba, esse cupcake deve ter ficado delicioso!!!!!!!!!! Adoro essa combinação de inredientes. Também adorei a maneira como você "embrulhou" ele pra presente! Bjs!