Páginas

sábado, 25 de setembro de 2010

Na cozinha: crumble de caju


Ontem à noite recebi o pedido da sobremesa preferida dos meninos aqui em casa: torta de maçã. Acontece que essa é a especialidade do marido, que chegaria tarde, cansado e de mau humor por causa da reunião de hoje cedo.
Então, resolvi a coisa do meu jeito, muito singelo porém gostoso: fiz um crumble de maçãs. Mas como a larica da noite de sexta também havia me pegado, lembrei dos dois cajus na geladeira (cajus na geladeira são inesquecíveis, porque o cheiro que deixam é absurdamente impregnante...) e do crumble surpresa que comi há algum tempo, na casa do padrinho.
Surpresa porque foi a primeira vez que comi a fruta cozida e quase não entendi do que se tratava. Apesar de muito doces e suculentos, cajus aguentam firme o cozimento e não perdem a textura, não se desmancham. Depois de um tempo dessa primeira surpresa, cheguei a comer uma versão salgada num restaurante chinês-vegetariano daqui de Campinas, cujo buffet é cheio de pratos misteriosos (muito por conta da barreira da língua, já que a pergunta é seguida de muitas interjeições e gestos difíceis de decifrar).
Enfim, passei a ver a fruta com olhos mais simpáticos pois, quando criança, era um festival de suco e doce de caju industrializados em casa que não acabava mais. Detestava aquele sabor marrento e a cor sem graça do suco, mas era presença de todo dia na mesa do almoço.
O crumble é facinho, baba total, pra fazer rapidinho antes do seu seriado favorito (aliás, ontem vi o primeiro episódio da nova temporada de The Big Bang Theory e quase morri de rir. Estava com saudades da risada esquisitinha do Sheldon).

Crumble de Caju (ou maçã)
(fiz a receita infalível ensinada pela madrinha Silmara e separei 2/3 para as maçãs e usei o resto para os cajus, num potinho menor)

100 grs. de manteiga gelada
100 grs. de farinha de trigo
100 grs de açúcar
2 maçãs descascadas e cortadas em fatias médias (usei 3 maçãs gala bem pequenas)
2 cajus picados

Corte a manteiga em pedaços menores e amasse junto com a farinha e o açúcar, até ficar com o aspecto de farofa. Use seus dedinhos, sem medo de meter a mão na massa.
Disponha as maçãs/cajus em travessas pequenas que possam ir ao forno e cubra com o crumble. Asse até dourar (desculpem, esqueci de verificar o tempo de forno).
Enjoy!

*p.s: obrigada pelo carinho no dia do meu aniversário. Fico feliz da vida em receber esses agrados e gostaria de agradecer pessoalmente, ao vivo, com uma fatia de bolo. De qualquer modo, fica meu afeto virtual a todas que passaram por aqui com palavras gentis e bons desejos!

5 comentários:

Sandra Peres disse...

Depois que descobri os crumbles, não penso em outra sobremesa rápida e gostosa, com cajú nunca tinha nem imaginado, é claro que logo logo eu vou experimentar.

Bjos

Mirella Luiggi disse...

Hum adoro crumble! De caju deve ficar superbom! bjs

Cris Corrêa disse...

Ana,

sempre passo por aqui, te sigo, e admiro o modo como vc e sua família vivem.
preeciso te perguntar, como sei, vc cresceu em sampa e depois foi para o interior, e como foi? como foi criar os filhos fora de sampa?
é que hoje moro em santo andré no abc paulista mas, meu marido e eu estamos pensando seriamente em nos mudarmos para Itupeva, Indaiatuba, já que meu marido é funcionário público e consegue a transferência.
Então queroa saber de vc, foi uma boa escolha criar seus filhos fora dessa loucura que é SP? Eu tenho uma menina de 2 aninhos e estou grávida, e sofro pois com esse clima daqui, e essas casas que mais parecem um puleiro, sinto qque a minha filha se sente enclausurada (tenho muito dó dela).
me fala um tantinho da sua experiência!!!
obrigada
Cris

Minha vida e minhas artes! disse...

Já anotei a receita pra fazer! Parece mesmo deliciosa, mas simples de fazer! Bjos Mel

Katia Bonfadini disse...

Ana, esse crumble deve ser maravilhoso... Já comi de maçã, mas de caju é novidade! Já estou louca pra experimentar!!!! Bjs!