Páginas

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Antes e (finalmente) depois: chapeleiro

Lembram que comecei a pintar meu chapeleiro, tive problemas com sprays diferentes e resolvi persistir? Pois é... se eu pudesse dar uma cor para cada momento do ano, diria que em 2011 meu inferno astral foi amarelo. Sim, escolhi pintar o chapeleiro de amarelo, gaste uma dúzia inteira de latinhas de spray e ficou uma merda (desculpem, tem horas que o palavrão não é opcional). Depois de muito persistir, me rendi e percebi que não tinha condições psicológicas de continuar a empreitada. Coloquei o pobre chapeleiro lá no fundo do quintal e fui me queixar com os universitários, aka, xingar no twitter. E a Ju, especialista no assunto, falou que não ia dizer: "eu te avisei"! Mas nem precisava, porque ela disse e insistiu: vai de rolinho, a peça é grande, spray requer treino. E a teimosa aqui não ouviu. Então, conversei por telefone com o Matheus, marido e parceiro da Ju na oficina de acervos e combinei de passar a bola pra ele, porque tem horas que o melhor é deixar o especialista fazer por você e até uma pessoa teimosa obstinada como eu, que insiste em se achar a rainha do faça-você-mesmo, tem que se render quando se trata de um móvel querido. E meu chapeleiro valia o investimento. A melhor parte do processo foi que, na primeira etapa do processo, a Ju veio com o Matheus e ainda trouxe o Levi, o bebê mais bem humorado e fofo que já conheci. Enquanto eu e a Ju papeávamos, olha o Matheus sofrendo com a lixadeira:
A próxima etapa, foi passar as camadas de primer, feito já na cor escolhida. Depois é que veio a tinta mesmo e, como eu peguei uma raivinha do amarelão, mudei a cor para laca num tom de rosa com carinha de antigo. Olha o Matheus com seu ajudante Bill, fazendo a última camadinha de tinta:
Depois de deixar secar durante dois dias, seguindo à risca a indicação do especialista, hoje o chapeleiro voltou pra sala e eu estou aqui toda feliz, olhando para o rosinha do amor e dando suspiros de alegria!
Aproveitamos para trocar o puxador da gavetinha, por um bem delicado da trinca-ferro.
E se você tem em casa um móvel que adora e que merece aquele trato caprichado, por mãos experientes e especializadas no assunto, fala com a a Ju e o Matheus. Eu indico! No site deles tem também um monte de dicas bacanas de decoração e diy, além dos móveis que eles mesmos recuperam e deixam com cara de novo. Obrigada, Ju e Matheus! Amei conhecê-los e contar com essa ajuda tão preciosa! Oficina de Acervos: 11 7758-7294 contato@oficinadeacervos.com.br

29 comentários:

Casa com tudo dentro disse...

Oi Ana!
Amiga ficou lindooooo!
E confesso que o spray é mesmo uma "m"!
Já tive essa experiência e nao foi nada boa,que bom que achou a Ju e o Matheus e gente que sabe sabe,nao e mesmo?
Ficou lindissimo!
Bom feriado curtindo seu chapeleiro feminino!!!
Beijinhos
Camila Chenow

Carol disse...

O final da história do chapeleiro foi ótima, com excelente resultado.
Sou apaixonada por esse papel de parede e oh, reparei na vitrine de sua porta, bem legal.
Beijos

Cris Nagawa disse...

Ana...
É as vezes, é melhor não ser tão obstinada..(falo pois sou tb)..
Ficou muito lindo seu chapeleiro e esse papael de parede...tô suspirando....
bjs

Pricila Barretos Blum disse...

Ana, que lindo !
A cor ficou perfeita.
Confesso que já fui mais "ousada" no assunto recuperação de móveis...mas agora ando com uma preguiçaaaaaaa eheheh
Beijo e bom feriado!

Cynthia Le Bourlegat disse...

Tinha gostado do amarelo, mas tb amei o rosa, ficou lindo com esse papel de parede de fundo! Enfim, que bom que deu certo! beijo Ana

Laély disse...

Já tentei fazer umas coisas sozinha, na confiança do DIY, que também deram errado.
Mas com mãozinha de profissional é uma tranquilidade, né?
Ficou lindo!
Abraço!

Carol Fonseca disse...

Pensei que esse post não ia sair hoje, dona Ana. Já tinha vindo aqui duas vezes (a neurótica).
Eu tinha amaaaaado o amarelão, eu sou uma pessoa que simpatiza muito por amarelo, não é a toa que é a cor das parede do meu mundinho.
Mas seu rosa ficou mais luxo! hahahah

E tinta spray é de penar mesmo, eu não me dou muito bem. Pinto só uns pés de banquinho e olhe lá (até porque morando em apt você imagina a nuvem de tinta né?).

Ana, parabéens pelo novo chapeleiro! Acompanhei seus comentários e seu o quanto você penou e o quando é ruim achar que fez caca no móvel querido.

Que seu ano seja mais rosa daqui pra frente!

Beijão

Ma Stump disse...

Ei, Chapeleiro rosinha da Ana, você é o móvel mais bonito que já vi na vida!

Ma, flertando com essa belezura... (Ana, Ana, está perfeito!!)

Na. disse...

Ficou lindo na cor rosa, combinou com o papel de parede! =) A vantagem dele é que tinha pistola, neeem se compara com latinha de spray! rs Valeu a persistência, o móvel ficou lindo!

Dagy disse...

Nossa Ana, ficou lindo!!!
O rosa ficou mega fofo e combinou muito com o seu papel de parede...
Acho que ficou muito melhor assim do que ficaria amarelo.
Bjoks

GIL disse...

Valeu a pena Ana a persistencia pois ficou lindo, adoro amarelo e jamais pensei que iria gostar do rosa e amei....bjks...Gil

Milena disse...

Ana,ficou parecendo sorvete de morango!
E é delicioso olhar para ele!
E a sua persistência valeu a pena!

Continuo afirmando que tudo que faz fica lindo!
bj

Oficina de Acervos disse...

Ana, a gente fica muito feliz que vc tenha gostado. Servimos bem para servir sempre, rs!
mas o melhor deste post é, sem dúvida, a carinha do Lô, ali no espelho!
Bjs
Ju, Matheus e Levi

Drica Menezes disse...

ah mas valeu mto o investimento, ficou um doce mesmo! parabens! bjsss

Marina Mott disse...

Ana, ficou o máximo!! Adorei a cor, compondo com a parede!! Lindo mesmo! beijo!

Wal disse...

OI ana! Seu chapeleiro ficou maravilhoso! Amei a combinação com o papel de parede! Amei!
Beijinhos!

Karina. disse...

Sempre inovando.
Adorei o rosa com cara de velhino, tudo um arraso.

bj

Cela disse...

Adorei o tom do rosa, ficou bem gracioso. :)

Valeria Marchello disse...

Olá Aninha...
que lindo que ficou se chapeleiro!!
rosa, a cor do amor, ficou muito romântico...e o papel de parede atrás deu o toque final...
Parabéns, a trabalheira valeu a pena né mesmo?
bjssss

Jussara Gehrke disse...

que coisa mais linda ficou essa cor no chapeleiro, Ana!
eu bem sei como é dificil pintar móveis...rs... (e eu tive marcenaria aí em Campinas!), mas na semana passada meu merido e eu pegamos nos pincéis para pintar umas poltronas de madeira da varanda, são velhinhas e super simpáticas, foi dureza e não ficou lá essas coisas.
agora vivo aqui em Salvador, a a Ju está longe... rs... vou me virar sozinha, tem alguns móveis que quero colorir aqui em casa.

parabéns pelo capeleiro fofo!

beijo
Ju

tenho vários blogs, o de decoração é O Móvel www.omovel.com.br

e se vc quiser conhecer um pouco da minha casa e da minha vida aqui na Bahia veja o Juju na Bahea http://juju-ano4.blogspot.com

os outros blogs estão linkados ai

Sara Alencar disse...

Ficou lindo! Amei esse rosinha.
vou te falar q acho o spray muy dificil, só uso em peças pequenas.
O trabalho do pessoal da Oficina de acervo é um luxo, né não?! fizeram um otimo trabalho.
Bjs

Susi disse...

A peça é tao linda que qualquer cor fica bem. Eu tentaria o amarelao na proxima vez.
bj

Taia Assunção disse...

Eu gostei do amarelão...rsrsrs. Mas o rosinha ficou incrivelmente feminino. Beijocas!

fátima disse...

ficou muito, muito lindo! acho até que ficou melhor que o amarelo, embora eu ame aquela cor.
eu tinha pensado em pintar uma cômoda de amarelo, e até contatei o mateus, mas por fim desisti, pq faltou t$e$m$p$o.

bj

Ester disse...

Oi Ana, ficou lindo, imaginei ele exatamente assim, você percebeu que eu adivinhei a cor?
beijo

Ana Matusita disse...

Meninas, eu não sou a criatura mais rosa do mundo, então essa opção, no meu caso, é bem mais ousada que o amarelo. E eu amei!
O trabalho do pessoal da Oficina de Acervos é um primorevale muito a pena!
Bjs,
Ana

emy disse...

Ana, ficou lindo! Vejo suas coisas e tenho vontade de pintar tudo na minha casa! :D

podecarmim disse...

Oi, ficou lindo mesmo e adorei seu papel de parede.

Kátia C. Silva disse...

Adorei o resultado, ficou linnndo!
bjs, tenha um ótimo dia... =)