Páginas

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Geléia de morango, crochê e bullying

Eu tenho que desabafar: sofro bullying doméstico. É isso mesmo, amigas leitoras, sou uma pobre mãe atormentada pela chacota constante de filhos malvados. Por exemplo: hoje, quando fui fotografar a deliciosa e caseira geléia de morangos, minha filhota amada e querida passou pelo quintal e disse que o crochezinho no vidro reciclado era a coisa mais cafona do mundo. Nem meu olhar fuzilante foi suficiente, então suspirei profundamente e continuei com o meu plano de mostrar pra vocês a geléia, o vidro com crochê e, claro, desafogar as mágoas.
Logo que vi os morangos miudinhos, orgânicos e, melhor ainda, em oferta, pensei em fazer uma geléia. Como tenho cortado um pouco o açúcar (exceto nos dias de festa, porque ninguém é de ferro), tenho comprado uma geléia francesa sem açúcar que custa os zóios da cara, então perguntei pro querido VH, do prato fundo, se dava pra fazer uma boa geléia caseira sem nenhum açúcar e suco de maçã (por causa da pectina). Levei um esfrega via twitter (olha o bullying de novo, gente! haha) e o Vitor me disse que geléia sem açúcar nenhum não rola e que eu não pirasse com a dieta.Ok, VH-San.
Fiz a geléia com um pouco de açúcar (1/3 de xícara de chá para 3 caixinhas) e mais uma maçã grande raladinha; levei ao fogo na panela de fundo grosso, mexendo de vez em quando, até a consistência e cor ficarem bem lindas. E melhor, uma delícia. Rendeu um vidro e meio, desses da foto.
Já a capinha de crochê, fiz com barbante fininho e agulha 1,75 mm, assim*:
1) faça 5 correntinhas e una no final, formando uma argola;
2) encape as correntinhas com 10 PA, feche com ponto baixíssimo;
3) faça dois PA para cada ponto da carreira anterior, feche com ponto baixíssimo;
4) faça 1 PA, depois 2 PA sucessivamente, até o final da carreira, feche com ponto baixíssimo;
5) faça 1 PA; 1 PA; depois 2 PA sucessivamente, até o final da carreira, feche com ponto baixíssimo;
6) faça 1 PA; 1 PA; 1PA; depois 2 PA sucessivamente, até o final da carreira, feche com ponto baixíssimo;
7) faça 1 PA; 1 PA; 1 PA; 1PA; depois 2 PA sucessivamente, até o final da carreira, feche com ponto baixíssimo;
8) faça 1 PA para cada ponto da carreira anterior, feche com ponto baixo;
9) repita a carreira anterior;
10) faça 1 PA, 1 correntinha; pule um ponto; 1 PA, uma correntinha, pule um ponto, sucessivamente e feche com ponto baixíssimo;
11) faça um PB, 1 correntinha e, no próximo ponto, 1 PB; 1 PA; 1 PB; 1 ponto baixo no próximo ponto, 1 ponto baixíssimo e uma correntinha e repita: 1 PB; 1 PA; 1 PB, formando biquinhos. Feche com ponto baixíssimo.
Para a tirinha, escolha outra cor, faça correntinhas até dar o tamanho desejado e encape com PB. Passe pelos vãozinhos e use para dar um nó e prender a capinha na tampa.
* PB: ponto baixo; PA: ponto alto.
Cafonice reinventada? Pode ser mas, se vocês querem saber, achei bem bacaninha, com cara de presente de Natal na casa da vó. E a geléia, nada cafona, já está pela metade.

24 comentários:

Cela disse...

Tentarei a receita! Sou doida pra fazer uma geleia em casa. :)

Mãe da Tonton disse...

Amei a receita, amei as fotos e seu croche e pra variar amei o post!! beijõesss

Katima disse...

Ana, não fique triste, também sofro bullying em casa, pelo visto do mesmo jeito. sniff!!!!!
A geléia deve ter ficado ótima e adorei o crochê!
Beijos e boa semana.
Kátima.

Marcia Moreira disse...

Eu iria amar ganhar um vidro de geleia com essa tampinha de crochê, porque adoro os dois...tanto a geleia quanto o crochê hahahaha... sou cafona, mas sou feliz!!! hahahaha

maristela disse...

Pensei que fosse só eu. Também sofro bullyng dos meus 3 josés.
Vamos nos rebelar?

Bjs

Ruby Fernandes disse...

yesss! Viva os potinhos de geleia com tampas de crochê! Amooo muito.
bjo querida =)

Valeria Marchello disse...

Ola Ana!!
amei a capinha de crochet com cara de vó!! Lembrei da minha vózinha espanhola que era fera na agulhinha..
bjkksss

Carol disse...

Ana, quando por acaso minha filha está conversando comigo enquanto eu vejo alguns blogs ela fala "nossa, que brega isso, que brega aquilo", "que horror! como uma pessoa tem coragem de achar isso bonito?". Fora de cogitação ver alguma coisa reciclada porque a chuva de críticas é forte. De vez em quando eu concordo, nem tudo no mundo dos blogs é legal ou bonito, daí prefiro nem comentar ou dizer que não me agrada sem agredir a pessoa. O negócio é que essas filhas adolescentes são verdadeiras ao extremo em suas opiniões, o que devemos fazer é aceitar que cada um tem seu palpite, mesmo que isso nos deixe muito bravas(e eu sempre fico).
Apesar de tudo, gostei desse crochê fofo, se bem que para uma pessoa afobada como eu não funciona, mas a geleia funcionaria demais, adoro e não abri um pote que tenho aqui porque marido descobriu que está com diabetes, terei que esperar uma visita que goste muito para me ajudar a consumí-la.
Parabéns pelo capricho de sempre em tudo que faz.
Beijos

Maria Maria Arte disse...

Não se importe com esses comentários maldosos, pois esse vidro ficou muito charmoso com o crochê.

E a geléia deu água na boca.

Beijos.

Fátima.

Cynthia Le Bourlegat disse...

Ahaha Ana, presinto que brevemente tb sofrerei bullying doméstico, pois eu praticava com a minha pobre mãe e pagarei um dia, certamente rs... O crochê é lindo, pena que nao sei fazer (canhota deslexa rs). A geléia quero tentar, que delícia! beijo

Maria Amélia disse...

Quanta coincidência! Também fiz geléia, só que de amoras do meu quintal. Estou fazendo capinhas de crochê para os potes só que a passos de tartaruga. Acho que os potes de geléia vão acabar antes de ficarem prontas. Minha filha acha que crochê é uma das coisas mais cafonas que existem. rsr. Sua geléia ficou linda e as capinhas também bjs.

Deborah disse...

Ahh, eu ainda sou só filha, mas amei o crochê no vidro e, principalmente, o moranguinho de crochê ali do lado.

Aliás, eu sou meio (muito) suspeita pra falar, já que conheci seu blog há pouco e já adoro seu trabalho! Parabéns!

Bjs!

Taia Assunção disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkk também sofro bullying doméstico, mas exerço também...sou uma 'puta sacana' com meus moleques e eles herdaram esse humor ácido meu. Sem contar que o tubarão maior sou eu e meu olhar de 'quem manda nessa porra sou eu' faz com que eles se coloquem em seus lugares de subalternos...kkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Delícia de geléia e viva a cofonice!!! Beijocas!

Fabiana Antunes disse...

Oi Ana!

Adoro seu blog e sempre passo por aqui.
Em casa também sofro com bullyng... hahaha
São três homens X euzinha.

Quanto a geléia, deu até água na boca quando via a foto.
Deve estar uma delícia. Hummm!

Qualquer dia me arriscarei a fazer.

Um abraço

Cris Nagawa disse...

Âdorei o vidro de geleia com capinha de croche...

bjs

Silvia disse...

Com certeza muito saborosa sua geléia, aqui em casa tem que ter geléia no café da manhã todos os dias, porque meu filhote só come torradas ou pão com geléia, adoro aproveitar essa fase de morangos mais baratos para fazer as minhas geléias, às vezes congelo o morango para fazer geléias em outra época.
Bjs!!

Anônimo disse...

Cafonisse com moderação sempre cai bem!

Beijao,
Janis

hiccupsandsmiles disse...

Meu, eu adoro o seu blog, já faz uns meses que rondo por aqui, hihi. Adoroooo geleia de morango, e não tem nada de brega na capinha de crochê, filhos são assim com uma certa idade, depois passa!

Cristiane Cordeiro disse...

Hahahaha,,, bullying, essa foi otima.
A geleia está com uma cara deliciosa!
Boa noite!
Kisses.

Ana Matusita disse...

Oi Cristiane, Janis, Fabiana,Cris Deborah, Valéria, Maristela, Marcia, Ruby, Lola, Cela, Kátima (esqueci alguém?!)!
Façam a geléia e a capinha e me mostrem!!!
Silvia, meu filho também gosta de torrada com geléia ou com mel, então vou virar adepta!
Cynhtia e Taia, a gente também era assim, né? E não era de malvadeza, só sinceridade mesmo! E Taia, eu também sou a mãe mais pentelha do mundo! hahaha!
Maria Amélia, geléia com amora do quintal é muito chique!!!
bjs

Marcele Leite disse...

Amo fazer geléia de morangos e gostei do crochê: será que serei a próxima vítima de bullyng??? #medo

Kátia C. Silva disse...

Ah, adorei a receita da geléia e da capinha...rs... adolescentes são assim mesmo, se acham incompreendidos, mas nunca nos compreendem...rs...

bjsss

Katia Bonfadini disse...

Ah, eu amei a capinha nas cores da fruta! Tudo a ver com a geleia caseira! Hoje meu post é sobre uma geleia/molho de morango com ervas frescas e vinho do Porto! E que moranguinho mais fofo é esse de crochet?????? Fofura total!!! Bjs!

Coisinhasdalili disse...

Não liga não, Ana. Acho que deveriam inventar uma delegacia de mães pra gente poder denunciar esses filhos cruéis e sem alma. Mas, voltando à nossa cafonice : adorei sua tampinha e achei o mais charmoso da foto! (precisamos nos apoiar nessas horas difíceis)
E uma dúvida séria e verídica: eu comprei pectina pra fazer geléias lights porque dizem que dá pra usar um pitiquito de açucar e "dar a liga' colocando a pectina... Comprei gato por lebre? Bjs