Páginas

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Diário de uma reforma: parte II

A reforma está naquele momento enlouquecedor, em que nada está no lugar, embora várias coisas estejam em andamento ao mesmo tempo: as madeiras para a parte de cima da entrada, que será de vidro, estão sendo cortadas; já pedi orçamento para o vidraceiro (medo!); a parte elétrica está sendo feita; as pedras para os degraus estão chegando de pouquinho, por conta do peso; as plantas que vão dar lugar ao muro foram arrancadas e a marcação foi feita. Mas, ao mesmo tempo, tá tudo uma zona e eu fico fingindo não ver as pegadas de cimento pela casa, as plantas pisadas e o barro por todo lado (suspiro profundo!).
As novidades é que temos porta (ou meia porta) e a parede do futuro escritório já está quase pronta:


A outra parte chata é que a porta do futuro escritório será onde hoje fica meu chapeleiro, dentro da atual sala. Foi ali que eu, a muito custo, coloquei sozinha o papel de parede.

Então, essa parede (e o papel rosa) estão com os dias contados, infelizmente.
=(
O que me consola é que amo as paredes de tijolo aparente. E, claro, não se pode ter tudo nessa vida, menos ainda todas as belezuras preferidas dentro de um mesmo contexto. Ou será que pode?

2 comentários:

Nathalia disse...

Ana do Céu!!! Essa é de longe a porta de entrada mais linda que eu já vi NA VIDA!!! ARRASOU!!! Linda, linda, linda! Ô mulher de bom gosto, meu Deus!

Parabéns pela reforma, acho que vai ser uma big transformação para melhor.

Beijo!

Carol disse...

A porta mais linda. Adoro.
Beijos