Páginas

terça-feira, 30 de junho de 2015

Amor


Da série "coisas que eu acredito": amor.
Acredito em fazer as coisas com amor, mesmo que nem sempre seja fácil (e que dê uma vontade imensa de chutar o balde);
Acredito em ensinar que vale a pena amar, do mesmo jeito que aprendi com o amor da minha vida;
Acredito no amor dos amigos que estão sempre por perto, compartilhando risadas, tristezas, cerveja e até sopinha insossa na hora da convalescência (mesmo que algumas amizades se percam, mesmo que eu me decepcione. Ou mesmo quando eu me perca ou decepcione);
Acredito no amor pelas pequenas coisas, que nos fazem dar valor e ver o real sentido de coisas importantes;
Acredito em aceitar o outro, por vezes tão diferente da gente, com algum amor. Mesmo quando a gente mal consegue se aceitar.
Enfim, acredito em tudo isso, não nessa ordem, nem sempre ao mesmo tempo.
E creio que o amor ainda tenha muitas batalhas a vencer nesse mundo estranho de indelicadezas e intolerência.

3 comentários:

Maria Teresa Valente disse...

Oi Ana, também acredito no amor, embora o que mais tenha amado, eu tenha perdido e me decepcionado, ainda acredito no amor. Dou minhas capengadas, mas tenho amigos maravilhosos, meus bichinhos, meu trabalho, tudo que amo é um grande motivo, para nunca desistir da luta. Te admiro muito, pela família, pelo trabalho e por sua garra. Obrigada, abraços carinhosos
Maria Teresa

Flavinha Gomes disse...

Ai, Ana. Apaixonei.

CamomilaRosaeAlecrim disse...

Olá! Bom dia!
Corações lindos em crochê bem representam o amor, a amizade e o carinho!
Beijos e te desejo uma ótima semana!
CamomilaRosa